Da para manter a dieta na Páscoa?

 

Ah, a páscoa! Nada melhor que um bom feriadinho que ainda vem regado de chocolate para dar aquele ânimo né? Mas na mesma hora em que você está pensando na quantidade de ovos que vai saborear, já vem uma voz lá no fundo, tentando te convencer de que nesse feriado você vai seguir a dieta à risca. Nesse momento você já está agoniada, pensando que terá que escolher entre seguir a dieta ou se acabar nos ovos.

Mas calma! Nem tudo nessa vida é oito ou oitenta. Para te trazer a luz no fim do túnel e provar que você não precisa escolher entre a dieta e a páscoa, conversamos com a nutricionista Ana Clara Mugnai que dá dicas para você aproveitar e se deliciar com o feriado, sem enfiar o pé na jaca.

 

Planejamento é a chave do negócio

Se planeje! Como tudo nessa vida, um bom planejamento faz toda a diferença. Você provavelmente já sabe (ou pelo menos tem uma ideia) das opções de refeições que terá na Páscoa; então já vá pensando naquelas que você terá mais vontade de comer e se programe para que as demais sejam mais leves. Não é porque é feriado que temos que sair totalmente da nossa rotina alimentar, certo? Escolha o que realmente vale a pena!

 

Faxina no organismo

Ajude seu corpo a “limpar a sujeira” mais rápido abusando de verduras, legumes e frutas! Como nesses feriados geralmente consumimos alimentos mais “pesados”, nosso organismo precisa trabalhar mais para metaboliza-los e excretar o que lhe causa mal. Para isso, ele precisa de diversas vitaminas e minerais, e consumir boas quantidades de frutas e hortaliças garante que ele terá os nutrientes necessários para fazer toda a faxina.

 

Moderação, o mundo ( provavelmente ) não vai acabar na páscoa

Não coma grandes quantidades, especialmente de alimentos mais “pesados”, de uma vez só, pois isso sobrecarrega seu sistema digestório e de destoxificação e gera um estresse para nosso organismo. Além disso, nosso corpo detesta desperdício, então os nutrientes que ele não usar para produzir energia naquele momento ele estocará na forma de tecido adiposo (a famosa gordurinha indesejada).

 

Hidratação

Hidrate-se! Assim como vitaminas e minerais, nosso organismo também precisa de água para mandar toda a “sujeira” embora. E a hidratação se torna um fator mais importante ainda se, além de comer um pouco mais, você também for consumir bebida alcoólica no feriado.

 

O que fazer com a vontade louca do chocolate?

Achou que eu não ia falar da estrela da Páscoa né? Para quem é chocólatra, as dicas são: tomar cuidado com as quantidades (não é pra comer o ovo de Páscoa inteiro de uma vez só, meu bem. Faça ele durar vários dias); não coma o chocolate isoladamente, mas sim preferencialmente logo após refeições ricas em fibras e proteínas (um bom prato de salada e o famoso bacalhau, por exemplo), pois isso evita que haja um pico de insulina no seu sangue ocasionado pelo açúcar contido no chocolate; e procure diminuir a quantidade de carboidratos (arroz, batata, mandioca, massas, etc) da refeição que acompanhará o chocolate, pois ele também entra na conta desse nutriente.

Pra quem gosta de chocolates mais amargos, eles são uma opção mais saudável e geralmente nos deixam saciados com menores quantidades, devido ao seu sabor mais intenso.

 

Quem fica parado é poste

Não deixe de se exercitar! A conta é muito simples: pra compensar a energia que você está ingerindo a mais, você tem que gastar mais certo? Não necessariamente você irá emagrecer treinando no feriado, uma vez que vai estar comendo alimentos mais calóricos que de costume, mas pelo menos essa energia “extra” que está entrando no seu organismo será gasta, e não estocada.

 

Que tal um chazinho?

Outra boa ajuda nesses dias são os chás com efeito diurético e/ou termogênico, como chá verde, hibisco, gengibre, cavalinha, dente-de-leão, carqueja, etc. Também vale inserir sucos verdes das mais diversas combinações (folhas + fruta + legumes + ervas e especiarias) nos horários dos lanches, pois são riquíssimos em nutrientes.

 

Sem mistério

Por fim, vale lembrar que o maior segredo de todos é o EQUILÍBRIO e que não é um feriado que irá te fazer ganhar uma quantidade considerável de peso. O importante é pensar o que você faz durante todos os outros dias do ano e que impacto isso está tendo na sua saúde. Lembre-se sempre: permitir-se comer o que está com vontade de vez em quando e com moderação faz parte de um estilo de vida saudável.

 

 

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *